sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Na Cuia dos Outros é Refresco



Sou carioca, como todos já devem saber, e lá no Rio a gente toma cerveja, Mineirinho e Mate Leão (tanto faz se pronto de copinho ou pra misturar na água quente). Por que lá no Rio é, tipo assim...QUENTE. Então a gente toma as coisicas geladas, cresci tomando coisas geladas, tanto que não gosto de chá e nem de café.

Aí a bunita aqui depois de burra velha foi morar no Sul...não no Rio Grande do dito cujo, mas em Santa Catarina. Chegando lá, eu ignorante no que acontecia naquela região do País, fiquei surpresa que eles também tomassem chimarrão, achava que era meio copyright de gaúcho, saca?! Ninguém podia fazer. Mas enfim, eles faziam, e faziam muito. Entrar no mercado e ver aqueles pacotinhos de erva-mate era muito novo pra mim.

Mas eu não experimentei de cara não. Eu sempre tive um pouco de receio daquilo. Meu irmão (também carioca) se adaptou horrores, tomava aquilo direto como se dos Pampas fosse. Até preparar o montinho socado ali do lado ele aprendeu. Aliás, #comofas aquilo é mistério pra mim até hoje.

O chimarrão é composto pelas seguintes partes: uma cuia, uma bomba, erva-mate e água quente. Você massaroca a erva ali do ladinho, coloca a água e toma. Geralmente toma uma cabeçada, nas rodinhas. Eu frequentei muita rodinha de chimarrão, mas só pra marcar presença mesmo e não magoar a galerinha sulista. Até que um dia, depois de muita insistência, eu resolvi experimentar... ¬¬ Pra não fazer desfeita engoli o primeiro gole...por que, sacomé, é feio se propor a fazer uma coisa e na hora do vamuvê, cuspir. No segundo gole não aguentei e dei aquela cusparada amiga e sincera no pé do caboclo ao meu lado. Mas ninguém pode me acusar de não ter tentado. Até propus que a galere fumasse aquilo em vez de beber, mas ninguém se animou muito não.

Depois disso nunca mais cheguei perto de uma cuia. E quem me conhece, nem oferece com medo da lhama cuspideira carioca.

Sem falar que fiquei intrigadíssima com os catarinas tomando isso na praia, debaixo de sol, garrafinha térmica do lado da esteira. O.o

Segue vídeo do @Viniciusc explicando como é o chimarrão do carioca

Esse post foi feito com todo o carinho para a @letiroese, @vinicabral (água quente limpeia tudo!) e @nikolaspm e todos os meus leitores do Sul que apreciam a água suja o chimarrão.

14 Comentários:

Vinicius Cabral disse...

Não só o carioca, como também o fluminense (todo nascido no restante do estado do Rio, menos na capital) gosta das coisas geladas...

Eu também fui à PoA, e nem tentei experimentar... não gosto de chá, ou seja, água quente com mato não é comigo.

Agora, antes que alguém reclame aqui do vídeo, ISSO FOI UMA BRINCADEIRA, OK?

Du Prado disse...

Esse é bem mais fácil de fazer, mas ainda prefiro o velho amargo aqui do Sul.
Mas o interessante é isso, a diversidade regional.

biscoito20 disse...

Ah, eu vou reclamar do vídeo!


Brinks, vou nada...

Mas não chama a bomba de canudo que eu fico 'bolado'. Na verdade, eu fico mais nervoso que touro com as bolas amarradas!

Leti Roese disse...

Gzoooooz! Me caiu o butiá dos bolso com essa daí! ri muito alto! Pq? Não só pelo modo carinhoso como trataram o "canudo" ¬¬' hahahaha Mas pq tem um amigo gaudério do pai que sim, ele toma o chimarrão "típico" carioca com a cerveja +o( nheca! isso dá nó no estômago só de pensar! JURO, JURO que ele fez isso num domingo que tínhamos costelão de chão por aqui.
Mas ahhhh! Venha pra cá e te apresento o tererê, versão bichinha do chimarrão, criada pelos paraguaios e que o povo jura que é gostoso!
É outra erva, água TRINCANDO de gelada, suco, uma guampa haha e o "canudo"...tudo uma mistura só!
E pensar que eu sou paranaense filha de bahiana com gaúcho tsc tsc tsc #viajei hahahaha
Beijo bonita

=*

Bruno disse...

Sou gaúcho e não gosto de chimarrão e nem muito em churrasco, só se eu ficar uma cara sem comer carne, ai bate uma vontade, mas de gaúcho mesmo eu só tenho o Grêmio, mas chimarrão não é ruim, é uma agua fervendo totalmente sem gosto, é mais pelo hábito da conversa e reunião, é bom pra ficar jogando conversa fora.

Leti Roese disse...

Chimarrão não é feito com água fervendo colecã! haha! só pra defender as raízes que são muito mais suas que minhas :P PELO menos no Grêmio concordamos!
Caracolis Jenny, despertou furiosamente a gaúcha adormecida em mim! hahahahahahahahahahahahaha

Bruno disse...

Bah mas pra mim aquilo lá é fervendo sim tchê só não vou te chamar de bagual (hahahahaha), mas tu entendeu a idéia Leti e agora que eu me lembrei que não pode ferver (realmente a falta de hábito me fez esquecer disso), mas que não tem gosto de nada, não tem mesmo é igual a comer chuchu ou as tias da Farrapos.

PS: Essa foi forte
PS²: Falei das tias da Farrapos só pra ilustrar, não venham me jogar pedras.

Esse é de Lê disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Teilor disse...

Não sou muito de tomar chimarrão, mas meus pais e meu avô tomam todo dia.

A única coisa meio chata do chimarrão é que todo mundo dividi a mesma bomba, é como se todo mundo bebesse no mesmo bico de garrafa; normalmente isso não é problema, mas depois da gripe suína que começou matando por aqui, o pessoal anda meu cabreiro de aceitar chimarrão em qualquer lugar.

Eu mesmo já inventei meia dúzia de desculpas pra quando me oferecem.

Acho que você não gosta de chimarrão porque não entende ele. Tem que entender o chimarrão para gostar dele. Mas quem sabe, você pode começar tomando mate-doce, todas as crianças daqui adoram mate-doce.

Jenny Taylor disse...

Teilor, meu lindo...eu moro em São Paulo, seria meio desconexo começar a tomar chimarrão agora lol

All3X disse...

Jenny, além de minha mãe ser sulista (paranaense, para ser preciso), tenho outros parentes no sul. E sim, não é copyright dos rio-grandenses o hábito não, passa por outros locais.
Mas como a Letícia bem lembrou por aqui, tem o tererê, que eu conheço. Utiliza-se deixar a água gelar para tomar. Pode não ser bom, mas não é ruim não. Como eu sou como meu pai, que não toma café desde que eu me entendo por gente, sigo a linha e também não gosto de chá e tudo o mais que segue na esteira...
Abração,
All3X

Bruno disse...

Chimarrão é chimarrão, tererê é a versão São Paulina do chimarrão, não é coisa de Gaúcho macho do chão farroupilha (brincadeira pessoal).

Flavia disse...

Pois é....tb sou carioca e esse lance de coisa gelada é bem nossa,mas é so descer um pouquinho que a galera não possui nem "cumbuca" de gelo na geladeira.....Isso pra mim chega a ser um crime...
Na minha geladeira sao 7 "cumbucas" coloridas, e Deus me livre abrir o congelador e nao encontrar nem uma pedrinha...putz é morte certa.
Pra mim coca-cola na rua ta sempre quente...mas a galera diz que nao....Po da licenca, eu gosto de um gelado que beira a ignorancia.
Por isso chimarrao.....bem longe de mim!!!

Bruno disse...

Flávia penso o mesmo que tu, mas o clima daqui é uma merd# calor só 3 meses por ano o resto é frio e chuva, então nem pensar em tomar coisas geladas, quem me dera poder morar num lugar que faz sol a maior parte do ano, com praia, mulheres bonitas e o Olímpico Monumental por perto.

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO